"Eu gostaria de abraçar o mundo inteiro em uma rede de caridade"
António Frederico Ozanam

sábado, 21 de janeiro de 2017

O que são os afectos?

Dizemos muitas vezes que um pobre pode ter falta de afectos, da família, amigos, vizinhos e acredito que sim mas, também há-os que tem estes vizinhos por perto e não, sente o afecto de saber aceitar, saber estar com atenção, ouvir e os que vão e cruzam por alguém e faz um simples gesto; «Bom dia, está tudo bem consigo!»

Pensem na frase:
«Somos gerados e dados à luz e ao respiro, confiamos o nosso corpo e a palavra, à força dos afectos. Porém, prometidos a nós mesmos pelo compromisso, não temos por onde fugir.» 

O afecto, só como palavra, já afecta – não passa sem deixar marcas, nao conseguimos fugir.

Ler esta frase de Pe.José Frazão:
«Deus sabe coser os nossos vestidos para tapa a nudez dos nossos corpos» e, sabe também tapar, com o Espírito Santo, as nossas indiferença, a nossa timidez, as nossas incertezas, os nossos esquecimentos, as nossas faltas de afectos.

Para quem pergunta "O que é isso afectos?" 
Afectos é o nosso interior que dá para fora, é uma espécie de Árvore Genealógica do "EU".
Será que podemos cozer uma blusa sem agulha?

Neste ano em Assembleia Celebrativa Dia da SSVP-29 outubro no CZGN, vamos os presentes exteriorizar os nossos Afetos com os outros. Nos vamos ouvir.

czgn-fernando teixeira.

Sem comentários:

Enviar um comentário